Será que a vida nos permite esperar por alguém? Será que não iremos nos arrepender pelo tempo perdido?

O Remorso

Cometi o pior desses pecados
Que podem cometer-se.
Não fui sendo
Feliz.
Que os glaciares do esquecimento
Me arrastem e me percam, despiedados.
Pelos meus pais fui gerado para o jogo
Arriscado e tão belo que é a vida,
Para a terra e a água, o ar, o fogo.
Defraudei-os.
Não fui feliz.
Cumprida
Não foi sua vontade.
A minha mente
Aplicou-se às simétricas porfias
Da arte, que entretece ninharias.
Valentia eu herdei.
Não fui valente.
Não me abandona.
Está sempre ao meu lado
A sombra de ter sido um desgraçado.

Jorge Luis Borges, in “A Moeda de Ferro” Tradução de Fernando Pinto do Amaral

por Ricardo Mancini

Anúncios